Pesquisar
Close this search box.
Marca+

Escolha pelo Brasil mostra a relevância de nosso mercado para a NFL

Lucas Morais, Jean Felipe em 14/abr/24, atualizado 30/abr/24 às 19h – Compartilhe
The Washington Commanders. Foto: Joe Glorioso / All-Pro Reels.
The Washington Commanders. Foto: Joe Glorioso / All-Pro Reels.

A NFL escolheu o Brasil, o estádio da Neo Química Arena, localizada em Itaquera, São Paulo, como sede para uma de suas partidas da temporada regular de futebol americano. Este estádio, conhecido por ser a casa do Corinthians, foi selecionado após uma disputa com a Espanha para sediar o evento.

Pela primeira vez na história, um jogo da liga é disputado em solo sul-americano, um marco significativo no projeto de expansão global da NFL. Com isso, São Paulo se une a Londres e Munique como anfitriãs de partidas da modalidade na próxima temporada.

Representantes da liga norte-americana realizaram inspeções no Allianz Parque, Morumbi e Neo Química Arena ao longo do ano de 2023, com o objetivo de avaliar se esses estádios de futebol atendem às exigências da liga para sediar o evento. Embora o Rio de Janeiro tenha se apresentado como uma possível sede, acabou perdendo relevância na competição com São Paulo.

A escolha da NFL pela Neo Química Arena se deu graças a infraestrutura do estádio, que foi construído para a Copa do Mundo de 2014. A casa do Corinthians tem ótima estrutura de vestiários, além de ter espaço para quase 50 mil pessoas, todas acomodadas em cadeiras, da forma que o padrão da NFL exige. Pesou, também, para essa decisão o entorno do estádio e sua proximidade com o metrô. A estação Corinthians-Itaquera fica a menos de um quilômetro das entradas da Arena, isso facilitaria a logística e o escoamento de torcedores após a partida.

Eagles x Packers na Neo Química Arena

O comissário Roger Goodell anunciou que a partida histórica da NFL no Brasil contará com a presença dos times Philadelphia Eagles e Green Bay Packers. Ambos os times, com uma sólida base de torcedores no país, prometem um confronto de alto nível técnico, mantendo a disputa acirrada até o último momento. O evento ocorrerá na noite de 6 de setembro na Neo Química Arena em São Paulo.

Ricardo Nunes, prefeito de São Paulo, expressou seu contentamento com o jogo da NFL que será disputado na cidade. “O confronto entre Green Bay Packers e o Philadelphia Eagles é um momento extremamente emocionante para a cidade de São Paulo. Essas duas franquias certamente farão um jogo histórico, trazendo grande visibilidade global para nossa cidade e colaborando em nossos esforços de gerar empregos e impacto econômico “, comenta.

Vídeo do portal UOL sobre a vinda da NFL ao Brasil.

Além do jogo no Brasil, a temporada regular de 2024-25 da NFL também terá quatro outras partidas internacionais, todas na Europa. O estádio do Tottenham Hotspur na Inglaterra sediará os jogos entre Chicago Bears e Minnesota Vikings, enquanto o Jacksonville Jaguars jogará no estádio de Wembley. Por sua vez, o Carolina Panthers terá seu desafio em Munique, no estádio do Bayern.

Brasil, a “nova casa” da NFL

O Brasil, com sua crescente base de fãs de futebol americano, é um dos principais mercados internacionais para a NFL. Na última temporada, a liga promoveu um de seus maiores eventos oficiais fora dos Estados Unidos, o “NFL in Brasa”. Este evento, realizado em São Paulo durante o fim de semana do Super Bowl entre San Francisco 49ers e Kansas City Chiefs, atraiu mais de sete mil espectadores em dois dias de atividades.

Nas mídias sociais, mais de 2 milhões de brasileiros estão conectados às páginas oficiais da NFL no país, colocando o Brasil em segundo lugar no ranking, logo atrás dos Estados Unidos. Segundo a pesquisa Sponsorlink, realizada pelo Ibope Repucom, o número de brasileiros que acompanham o futebol americano cresceu impressionantes 117% nos últimos cinco anos. Atualmente, cerca de 33 milhões de pessoas no Brasil declaram-se fãs e acompanham o esporte.

Escolha pelo Brasil mostra a relevância de nosso mercado para a NFL
Símbolo da NFL. Domínio Público.

A escolha de realizar um jogo no Brasil é uma prova cabal do reconhecimento da importância que o país tem hoje para a NFL. Mais do que isso, o futebol americano é um dos esportes que mais cresce no Brasil, tendo uma liga consolidada que conta com times de quase todos os estados da federação.

Audiência crescente no Brasil em partidas da NFL

A audiência dos jogos da NFL no país também é um forte indicativo da relevância do esporte por aqui. Durante a temporada passada, a ESPN registrou um aumento de cerca de 11% na audiência da rodada de abertura da NFL em comparação com a temporada anterior de 2022/23.

No Super Bowl, os números foram ainda mais impressionantes. Enquanto transmitia a emocionante vitória do Kansas City Chiefs sobre o San Francisco 49ers, a ESPN dominou completamente o cenário da TV por assinatura, obtendo uma vantagem de 76% sobre o Multishow, que ficou em segundo lugar na faixa horária.

Se focarmos exclusivamente nos canais dedicados ao segmento esportivo, a vantagem da ESPN com os direitos de transmissão da NFL foi ainda mais expressiva: o canal da Disney registrou um aumento de 294% na audiência em comparação ao SporTV, que ficou em segundo lugar. Em outras palavras, a ESPN alcançou praticamente o triplo da audiência de sua concorrente.

Compartilhar:

Selecione uma marca para ir ao assunto relacionado:

Marca
Últimas Novidades
Os 50 jogadores que mais ganharam dinheiro durante suas carreiras, seja com salário ou contratos de publicidade.
O domínio do piloto holandês, Max Verstappen, está deixando a categoria do automobilismo mais chata e monótona?
De Barbosa à Vincius Júnior, o peso do racismo no futebol ainda é um problema muito grande e deve ser combatido.
A tecnologia esportiva tende a alcançar um patamar cada vez maior nos próximos anos, graças ao advento da IA e outras ferramentas.
Conheça mais sobre as duas ligas que buscam diminuir as disparidades com os ganhos de cotas de TV para os times brasileiros.
A carreira do maior "cestinha" da história do basquete brasileiro e também um dos maiores nomes do esporte mundial.
"O Velho Lobo", como alguns chamavam, tem uma história importantíssima na Seleção Brasileira e esteve presente em quatro conquistas da Copa do Mundo.